top of page
  • Foto do escritorEm Foco Mídia

Sua atitude faz a diferença: Constante desrespeito na faixa de pedestre


A preferência é sempre do pedestre? Deveria ser! Por determinação do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), existindo ou não a faixa de pedestre, os veículos devem considerar que quem atravessa as ruas é a parte mais frágil do trânsito. No entanto, é comum deparar-se com situações de imprudência no trânsito envolvendo essa questão. Enquanto os motoristas se protegem dentro dos carros e os motociclistas possuem a proteção dos capacetes, os pedestres não possuem nenhum equipamento de proteção, o que aumenta as chances de ferimentos graves. Segundo o Artigo 214 do Código de Trânsito Brasileiro, o motorista que desrespeitar a preferência de passagem ao pedestre na faixa – mesmo com o sinal verde para o veículo – ou dirigir ameaçando aqueles que estão atravessando a via, comete infração gravíssima. Ele está sujeito a ganhar 7 pontos na carteira de habilitação, multa de R$ 191,54, suspensão do direito de dirigir, retenção do veículo e recolhimento do documento de habilitação. O motorista também deve permitir que o pedestre complete a travessia, mesmo que não haja faixa ou sinalização, sob pena de cometer infração grave. Aí as penalidades são 5 pontos na CNH e multa de R$ 127,69. Além da educação no trânsito, é dever do pedestre também respeitar a sinalização e atravessar em cima da faixa sempre que possível. Semáforos com avisos sonoros. Em implantação desde março de 2017 em vias de grande fluxo de Belo Horizonte, os semáforos com avisos sonoros auxiliam na travessia mais segura para pessoas com deficiência visual, baixa visão e também idosas. O equipamento é formado por uma caixa amarela fixada no poste do semáforo para pedestres e emite sons indicando que a via está apta para a travessia segura. Quando o tempo da travessia está terminando, o aviso fica mais acelerado, portanto, o pedestre saberá que aquele momento não é adequado e seguro para passar. Quando não há sons, indica que o semáforo está aberto aos veículos e fechado para os pedestres. Nas travessias que são realizadas em duas etapas, os equipamentos foram programados com dois tipos de som distintos. Assim, quando uma via está aberta para os pedestres a outra está fechada. Os dois sons ajudam os pedestres a verificarem quando cada uma das vias está apta para ele atravessar.

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page